Usina solar instalada na cobertura do Mineirão abastecerá aproximadamente mil casas no entorno do estádio

A usina formada por seis mil placas solar localizada na cobertura do estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, abastecerá cerca de 1,2 mil residências de médio porte ao seu redor. Reformado com custo de R$ 695 milhões, o estádio receberá seis jogos da Copa do Mundo. A obra que foi orçada em R$ 12 milhões tem potência instalada de 1,42 MWp, enquanto a implantação da USF Mineirinho, que terá  potência de 1,1 MWp mas ainda está em processo de elaboração de edital.

 

 O esquema para gerar energia limpa funciona da seguinte forma: a energia elétrica é injetada na rede através da subestação de alimentação do Mineirão, que fica dentro do estádio. Toda a energia produzida vai para a rede – 10% retorna ao estádio e 90% é distribuída para as moradias em o seu entorno.

Mais energia solar em Minas Gerais

Em Minas Gerais, duas edificações vão começar a usar energia renovável com utilização de painel fotovoltaico. Serão, o Estádio da Copa do Mundo 2014 “Mineirão” e o Ginásio de Esportes “Mineirinho”(já em processo de elaboração de edital).

 

Além dos dois, na última sexta-feira dia 17, foi anunciado uma proposta para utilização futura de painéis fotovoltaicos no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins.

 

O projeto prevê um investimento total de R$ 28 milhões, sendo que cerca de R$ 10,5 milhões já foram utilizados no Mineirão.

 

O Mineirão terá uma capacidade de produção de 1,42 megawatt-pico (MWp), o que equivale a um consumo médio de 900 residências. Foram instalados cerca de 6 mil painéis fotovoltaicos na cobertura do Mineirão.

 

A previsão é que a usina já entre em funcionamento na Copa das Confederações.

O Mineirão vai ser o único estádio da Copa com geração de energia própria.

 

                                 Fonte: http://www.hojeemdia.com.br

INOVA FV – Conclusões e Demandas

Abaixo reproduzimos na íntegra o relatório final (disponível no site do NIPE/UNICAMP) do evento InovaFV, a NeoSolar participou, que trás novas perspectivas para o mercado de energia fotovoltaica no Brasil.

Tire você mesmo suas conclusões, vale a pena ler o texto.
Continuar lendo

InovaFV mostra muito otimismo com energia solar

O portal NeoSolar esteve acompanhando o Inova FV – Workshop Inovação para o Estabelecimento do Setor de Energia Solar que teve grande quantidade de participantes e gente acompanhando de pé durante os dois dias de discussões.

O evento tem o objetivo de reunir academia, governo e iniciativa privada para a construção de uma agenda coordenada de ações que levem ao estabelecimento de um mercado e de uma política industrial, científica e tecnológica de desenvolvimento e competitividade da indústria de equipamentos fotovoltaicos e de serviços no país.
Continuar lendo

Mineirão terá usina solar de R$27milhões

A Cemig vai investir 12 milhões de euros – o equivalente a cerca de R$27 milhões na construção de uma central fotovoltaica sobre a cobertura do estádio do Mineirão, em Minas Gerais. Desse montante, 80% será proveniente do banco de fomento alemão KFW, enquanto os 20% restantes serão capital próprio da Cemig.

Segundo o engenheiro e gestor de projetos da Cemig, Alexandre Heringer o projeto está dentro da sua ordem normal, aguardando apenas as especificações técnicas. “Já estamos contratando as empresas de consultoria para definição do projeto executivo”.

Estadio Usina Solar - Credito World Stadium, Taiwan
Continuar lendo